sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Vinho laranja?!

Vinho laranja? Sim, sem corantes! Para além dos famosos vinhos tintos, brancos e rosés, podemos encontrar no mundo vinícola vinhos laranjas. Originários na Geórgia, o vinho laranja compila a textura do vinho tinto com a frescura do vinho branco. Cada vez mais famosos no mercado e com bom potencial, vemos uma tendência crescente deste produto.

Como são feitos?

Os vinhos laranja são feitos a partir de uvas brancas mas com uma diferença significativa: à semelhança dos vinhos tintos, as cascas são mantidas no processo de vinificação. Dessa forma obtermos um vinho com uma textura semelhante a um vinho tinto mas com características aromáticas de vinho branco. São assim vinhos chamados muitas vezes de vinhos “de contacto” uma vez que as cascas das uvas entram em contacto com as bagas no processo de vinificação. Com uma cor sedutora, são vinhos naturais produzidos sem químicos e sem grandes filtros. No mundo dos vinhos, encontramos também a classificação “anti-rosés” dado que nos rosés, acontece o oposto: uvas tintas com processo de vinificação do vinho branco.

Como nasceram?

A origem destes vinhos encontra-se na Geórgia. No entanto, atualmente são produzidos também na Croácia, Áustria, Eslovénia e Itália.

Os vinhos laranjas são refrescantes e são uma boa opção para o Verão. Combinam com peixes, mariscos e pratos de carne mais leves, sendo assim vinhos muito versáteis. Apresentam uma cor a lembrar frutos secos, mel, amêndoas e damasco. A nível de textura dizem os entendidos que se assemelha a tintos mais suaves. Uma experiencia a não perder!


Se já experimentou, partilhe connosco!


Sem comentários:

Enviar um comentário